Ílhavo foi fustigado por fortes rajadas de vento e chuva intensa, pelas 23h00 do passado dia 13 de outubro, devido à passagem da tempestade tropical Leslie, que atingiu Portugal Continental cerca de uma hora antes, entrando pelo Centro (Peniche, Figueira da Foz, zona onde foram registados ventos de 176 km/h) rumo ao Norte.

Registaram-se várias ocorrências de quedas de árvores e também de postes elétricos.

Os Bombeiros Voluntários de Ílhavo (BVI) registaram um total de 25 ocorrências, entre quedas de árvores e de estruturas.

Árvore caída no Largo do Bispo – Foto: Rui Vilar no grupo Ílhavo (Facebook)

A Câmara Municipal de Ílhavo disponibilizou operacionais que trabalharam em conjunto com os Bombeiros Voluntários. Também a Junta de Freguesia de Salvador esteve presente no local, representada pelo Pres. João Campolargo que acompanhou as operações e disponibilizou os meios da autarquia.

A zona mais afetada do município foi, segundo os BVI, a Gafanha da Nazaré (zona da CERCIAV). Também o Presidente da Junta de Freguesia da Gafanha da Nazaré (JFGN), que estava no concerto de Aniversário da Filarmónica Gafanhense, se encarregou de acompanhar os funcionários da JFGN, fazendo o levantamento de danos e procedendo à limpeza das vias durante essa noite (até cerca das 2h00), visto que uma das maiores árvores caídas se encontrava a obstruir a estrada entre o Jardim 31 de Agosto e o Centro de Saúde.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Introduza o seu comentário
Introduza o seu nome