O Natal de… Aldo Lima

0
154
Como/onde/com quem costuma passar o natal?

Passo o Natal com a minha família, na Gafanha do Carmo.

Tem alguma tradição natalícia? Algo que repita a cada natal, que nunca possa falhar?

Não mais do que as tradições habituais de toda a gente, que têm mais a ver com a gastronomia da época natalícia.

O que é, para si, o melhor do Natal?

Quando era criança, claro que o Natal tinha uma magia diferente. Como adulto dou muito valor ao facto de a família estar junta, coisa que felizmente é normal na minha, mas nesta época tem esse brilho e envolvência especial que é o espírito natalício.

Quais as melhores memórias que guarda de natais passados?

Uma vez mais, sempre a família, e claro as prendas no sapatinho. Eu ainda sou do tempo do Menino Jesus, o Pai Natal veio mais tarde com a Coca-Cola. Íamos para a cama na noite de 24 e no dia 25 de manhã, bem cedo, sem despertador, estávamos a abrir os presentes que o Menino Jesus nos tinha deixado no sapatinho.

Que cheiros/cores/sons associa ao natal?

Cores várias, das luzes; o verde e vermelho do azevinho; os dourados e prateados dos centros de mesa; as multicores e luzes dos enfeites da árvore de natal e do presépio e, claro, o cheiro da cozinha durante dias e dias a fazer as iguarias de Natal e o cheiro de lareira na rua.

À mesa, no natal, o que é não pode faltar?

Não pode falhar o bacalhau, claro, as rabanadas, os bolinhos de abóbora. No dia 25, a roupa velha e o cabrito assado no forno a lenha.

Neste Natal, que prenda gostaria de oferecer ao Município de Ílhavo/comunidade ilhavense?

Muita saúde para todos…e gás canalizado e saneamento básico para todos também… essas coisas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Introduza o seu comentário
Introduza o seu nome