Trabalho

0

Texto e Ilustração de Tiago Mendonça de Oliveira

Não penses arrogante
Que o trabalho já feito
Compensa o que não vais fazer
Ocupa o tempo
No que é do seu tempo
Se é o seu tempo
Embora por vezes
Pareça pressa
Será feito no seu tempo
Não penses ansioso
Na falta do tempo
Na falta de trabalho
Na falta do ontem
A princípio
E isto aconselho
Não te faltes a ti
Não aguardes
A sério
Como irás ouvir de outros
Não se aguardam as coisas
Nem essas
Nem as memórias
Guardam-se
Foge da insónia
Da amnésia
Que não fujas de ti
Não te esqueças do García
O García avisou
Escreve
Não te esqueças de escrever
Desenha também
Não o que queres
O que pensas
Sê forte
Se não és, faz-te
Faz-te tempo
Sai cedo do trabalho
Procura o sol
E se possível por perto
O mar
Adentro a natureza
Caminha, come e bebe
Se fumares, fuma
Que não te deixes na paranóia
Na presença da verdade
Procura astuto a sã memória
Sem a pressa da ansiedade

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Introduza o seu comentário
Introduza o seu nome