Palheta encerra com balanço positivo e a promessa de voltar em 2020

0
60

De 4 a 8 de abril, o Palheta – Robertos e Marionetas, voltou a encher vários espaços da Gafanha da Nazaré do espírito do teatro de marionetas, confirmando a cidade como um dos grandes pontos da história da arte bonecreira em Portugal.

Numa programação alargada, em cinco dias de dezenas de espetáculos para escolas, famílias, grupos organizados e público em geral, o Palheta cumpriu grande parte dos seus objetivos, esgotando a maioria dos espetáculos.

O balanço foi feito pela Câmara Municipal de Ílhavo, que destacou, entre outras vertentes, o projeto Marés. Um projeto comunitário idealizado para a rua (a chuva alterou estes planos, mas o espetáculo aconteceu no Convés da Fábrica das Ideias), que juntou várias dezenas de pessoas, sob a orientação da Teatro e Marionetas de Mandrágora, em oficinas de figurinos a música, construção de marionetas a teatro clown.

“O Palheta – Robertos e Marionetas, organizado pelo 23 Milhas, projeto cultural do Município de Ílhavo, regressa em 2020, com a promessa de se tornar ainda maior e mais cúmplice da Gafanha da Nazaré”, promete a autarquia, em nota enviada à imprensa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Introduza o seu comentário
Introduza o seu nome