Ilhavense Rui Filipe à frente da Capitania do Porto de Sines

Oficial da Marinha Portuguesa, originário da Gafanha de Aquém, foi empossado no passado dia 19 de setembro. Aos 52 anos passa a comandar uma das maiores capitanias do país.

0
213
DR

O capitão de fragata Rui Pedro Silva Filipe é o novo Capitão do Porto de Sines e Comandante Local da Polícia Marítima. Originário de Ílhavo, mais concretamente da Gafanha de Aquém, Rui Filipe foi empossado no dia 19 de setembro. Uma cerimónia na qual se comprometeu a colocar todo o seu “empenho e dedicação” no exercício das funções, “de forma a contribuir para a nobre missão da segurança e proteção dos espaços marítimos bem como para a salvaguarda da vida no mar”.

Rui Filipe conta com uma experiência de 32 anos de Marinha, com serviço prestado a bordo dos navios da Marinha, no Comando Operacional da NATO, no Estado-Maior da Armada e no Estado-Maior General das Forças Armadas, bem como as comissões de serviço na Cooperação Técnico-militar com países terceiros e na Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

Ingressou na Escola Naval em outubro de 1987, depois de ter frequentado e concluído os seus estudos básicos e secundários em Ílhavo. A opção por uma carreira na Armada acabou por surgir de forma natural, atendendo à “cultura de vida ligada ao mar enraizada em todos os que nascem e vivem” em Ílhavo, reconhece.

Filho de um oficial da Marinha Mercante, Rui Filipe, de 52 anos, não esconde que “a influência da atividade profissional familiar, consciente ou inconsciente, está sempre presente”. A estas condicionantes juntou-se, depois, o desafio de “uma carreira militar, necessariamente na Armada, sempre entendida como aliciante e desafiante, com uma componente de aventura”.

(Leia na íntegra na edição em papel)

DEIXE UMA RESPOSTA

Introduza o seu comentário
Introduza o seu nome