Castello Branco, Teresa Salgueiro, Alexander Search e Cícero no próximo trimestre do 23 Milhas

0
33
The Black Mamba - 3 de Abril na Fábrica das Ideias da Gafanha da Nazaré

Dois festivais, 30 espetáculos de programação regular, seis residências artísticas, conversas e novos espaços: o 23 Milhas joga todas as fichas no segundo trimestre de 2018 no Município de Ílhavo.

Agenda – 23 Milhas

Na música, os The Black Mamba cantam os parabéns ao Porto de Aveiro num concerto no dia 3 de abril, na Fábrica das Ideias da Gafanha da Nazaré; os Alma de Coimbra (7 de abril, na Casa da Cultura de Ílhavo) e Maria Emília (30 de junho nas Festas da Vista Alegre) transportam a bandeira do fado do trimestre; Daniel Pereira Cristo festeja o aniversário de Elevação a Cidade da Gafanha da Nazaré (22 de abril) e Teresa Salgueiro regressa aos palcos com um novo trabalho (25 de maio). Os brasileiros Castello Branco (28 de abril) e Cícero (23 de junho) levam os seus novos discos à Fábrica das Ideias da Gafanha da Nazaré e ao Cais Criativo da Costa Nova, respetivamente. Mark Geary é a aposta internacional do trimestre, resultado da parceria Trilha com o Município de Fafe e o Indieror (Chaves) que já levou Sarah McCoy à Vista Alegre, onde atuará também o irlandês (20 de maio). Alexander Search, a banda de Salvador Sobral e Júlio Resende, voltam aos palcos depois de uma pausa forçada e leva o seu primeiro disco à Casa da Cultura de Ílhavo no dia 3 de junho. Nota ainda para o regresso do Um ao Molhe, um ciclo de concertos de bandas de uma só pessoa, na Fábrica das Ideias, a 18 de maio.

As companhias nortenhas Teatro do Bolhão, Estrutura e Circolando estarão em residência artística na Gafanha da Nazaré e apresentam o resultado em dois espetáculos e um ensaio aberto: “Rumor”, do Teatro do Bolhão, vai ao crivo do público, em ensaio aberto, no dia 24 de abril; o espetáculo “Raio X”, da Circolando, é no dia 15 de junho e “M’18”, da Estrutura, na Casa da Cultura de Ílhavo, a 22 de junho.

O trimestre conta ainda com “A abstinência da purpurina” do Coletivo Casa, em ensaio aberto, no dia 18 de abril, a performance “Manusear”, de EZ, no dia 28 de abril, “Waka”, um espetáculo para bebés e crianças, no dia 13 de maio e “Antes de começar”, o espetáculo do +Palco, projeto de formação contínua em teatro do 23 Milhas, que acontece a 30 de maio. “Romeu e Julietas”, espetáculo de ginástica rítmica de Rita Silva faz parte da aposta do 23 Milhas em dar palco a artistas locais.

A Fábrica das Ideias, na Gafanha da Nazaré, recebe ainda as residências artísticas de Sérgio Diogo Matias, Surma e Miguel Bonneville. Também em destaque estão os festivais Ilustração à Vista e Rádio Faneca, o primeiro de 3 a 6 de maio, o segundo de 8 a 10 de junho. Os programas serão divulgados nos próximos dias.

Toda a programação ficará disponível em www.23milhas.cm-ilhavo.pt e no Facebook do projeto. Os bilhetes estarão à venda na próxima semana.

O 23 Milhas

O 23 Milhas é um projeto de transformação cultural do Município de Ílhavo que se foca no conteúdo cultural e que abandona a ideia de Centros Culturais.

Em quatro espaços – Laboratório, Fábrica, Casa e Cais – é dinamizado um plano holístico para a cultura, valorizando o património imaterial ilhavense, integrando a comunidade nos processos de criação, levando mais artistas ao concelho e o concelho ao mundo.

Um projeto dinâmico nas várias áreas de criação artística, música, teatro, dança, arquitetura, design, ilustração e cinema, que aposta tanto na contemporaneidade, como nos típicos eventos e rituais ilhavenses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Introduza o seu comentário
Introduza o seu nome